Hora de ser honesta

Resultado de imagem para sad girl tumblr


Esse foi o ano em que eu pude provar o quanto sou resistente às tragédias da vida.
Por onde começar?
Claro.
Pelo fim da escola.
Como se pode notar, em 2015 eu era a noviça rebelde louca para acabar a escola, curtir a vida, me livrar das pressões e ir pra faculdade estudar o que eu quisesse.
Mas, que faculdade? Eu não passei no enem. Eu nem sequer estudei. Eu me matriculei em um pré vestibular e passei o ano carregando a dor e a culpa. Eu realmente ainda não me perdoei por isso. TUDO o que eu queria era voltar no tempo. Eu iria para o meu primeiro ano do ensino médio. Faria as amizades certas e estudaria desde o início. Eu me odeio. Eu passei e estudei em um colégio federal renomado. Entrei lá a melhor pessoa que eu poderia ser. Aprendi muita coisa boa, mas me tornei uma pessoa ridícula e sem fundamentos. Não aproveitei tudo o que eu podia. Me deixei levar pela minha baixa autoestima e pela vontade de ser alguém, de ser legal, de ser popular, de ter amigos. Foi bom. Mas nada que eu não trocasse por uma outra versão do meu ensino médio. Onde eu teria os amigos e estudaria muito. Nessa versão, eu não estaria como estou agora: culpada, fracassada, triste, me odiando, odiando o mundo, sem futuro, sem vontade de viver.
Eu pude me distrair por um momento no pré vestibular. Lá conheci algumas pessoas que realmente fizeram do ano algo minimamente suportável. Mas também tive péssimos momentos e conheci péssimas pessoas. O que mais doeu foi ter redescoberto em mim a Luana estudiosa e inteligente. Só que era tarde demais.
Meu deus, eu me odeio tanto! Por que eu quis tanto o fim da escola? Eu tinha TUDO lá. Eu não sou NINGUÉM.
O que eu espero da futura Luana é que ela me perdoe.

E os vestibulares de 2016?
Eu com certeza estava mais preparada para o enem esse ano do que em 2015, mas o fato é que aquela prova é horrível e desumana. Não me saí como eu queria. Fiquei muito nervosa. Errei na hora de passar no gabarito. Chorei. Me desesperei. Não sei o que posso esperar da nota, só espero do fundo do coração que dê pra passar nem que seja raspando nos cursos que almejo.
Na UERJ eu arrasei na primeira fase e me senti muito bem fazendo a prova da segunda fase. Mas veio a nota e também a decepção. Eu não fui TÃAO boa assim. Estou com medo. Estou apavorada.

Eu realmente não tenho futuro algum? 
O que eu faço da vida? E se eu não passar? O que vou dizer para minha família? O que vou dizer à mim mesma??

Eu me odeio. Estes tipos de erros não são aqueles em que você pode dizer "ei, errei, mas aprendi e não cometerei de novo", este é simplesmente o erro que coloca sua vida em cheque. Que define o que você é. E o que eu sou? Um lixo. Uma fracassada.

Estou no aguardo dos resultados dos vestibulares e nunca me senti em um limbo existencial tão grande quanto esse. NADA mais importa. Eu SÓ quero isso. Só quero passar. DEUS eu só preciso disso para colocar minha vida de volta aos trilhos.

Eu nunca mais deixarei que isso aconteça de novo, caso eu passe. Nunca mais me sentirei perdida sobre o meu futuro. Eu farei dele o mais guiado possível. Farei uma agenda. Planejarei. Voltarei a ser quem eu era.

Imagem de motivation, study, and studying


To tentando ajudar aqui em casa em tudo para que eu possa me sentir um pouco menos inútil e decepcionante. To tentando tirar a carteira do trabalho. Pelo mesmo motivo. Eu me odeio. Eu não vou me perdoar nunca?

Agora eu percebo como tantas coisas coisas são secundárias nessa vida. Festas, viagens, saídas, roupas... Nada é mais importante que eu e meu futuro. ESSA é a prioridade. E EU TRATEI como prioridade. Estudei o ano todo. Tentei ignorar todas as dores e fantasmas do passado para recomeçar um futuro mas o que aconteceu? Me decepcionei. Agora não sei o que esperar do futuro. Farei faculdade? Deus, eu só queria concertar tudo na minha vida. Se eu não tiver uma ajuda divina eu simplesmente não conseguirei. Eu sou fraca assim.


Estou pensando em começar a aprimorar meu inglês nesse tempo de férias e também começar a estudar italiano. Uma terceira língua é interessante. E um dia eu quero visitar a Europa. Preciso malhar também. Já que não posso prever o futuro, vou usar esse tempo até os resultados para cuidar de mim mesma e para melhorar a pessoa que eu sou.

Tempos de mudança

Terminei a escola
Não vou pra faculdade esse ano
Fiz 18 anos
Não existe mais nenhuma perspectiva de relacionamento